Com tecnologia do Blogger.

Arsenal 4-0 Newcastle United - Ficha de Jogo



O Arsenal venceu neste fim-de-semana o Newcastle United por 4-0. Numa exibição muito conseguida da nossa equipa, especialmente na segunda parte, Aubameyang, Pépé, Özil e Lacazette fizeram os golos do jogo.


Arsenal: Leno, Bellerín, Mustafi, Luiz, Saka, Ceballos, Xhaka, Özil, Pépé, Nketiah, Aubameyang
Subs: Martínez, Sokratis, Kolasinac, Torreira, Willock, Martinelli, Lacazette

Newcastle United: Dúbravka, Lazaro, Fernández, Lascelles, Clark, Rose, Almirón, Bentaleb, S. Longstaff, Maximin, Joelinton
Subs: Darlow, Lejeune, Schär, Ritchie, M. Longstaff, Atsu, Hayden


Novidades no onze titular do Arsenal depois da pequena paragem de campeonato e Mikel Arteta a pensar também já no jogo de quinta-feira frente aos gregos do Olympiacos. Saka manteve a titularidade na esquerda apesar de Kolasinac parecer recuperado e regressar ao banco de suplentes, enquanto Ceballos volta a ser titular – algo que não acontecia desde 6 de Novembro – no lugar de Lucas Torreira. Surpresa também para a titularidade de Eddie Nketiah com Alexandre Lacazette no banco de suplentes.

O Newcastle entrou melhor para o primeiro tempo e criou algumas oportunidades de golo até ao quarto de hora. O destaque vai para o lance aos 14 minutos em que depois de um pontapé-de-canto, Sean Longstaff remata fora da área e a bola desvia Dani Ceballos. Felizmente Bernd Leno estava atento e fez uma excelente defesa evitando o golo dos Magpies.

A partir daí o Arsenal cresceu no jogo e começou a chegar com perigo à área adversária. O primeiro lance de perigo dos Gunners surgiu aos 21 minutos por Bukayo Saka. O lateral-esquerdo do Arsenal fez um remate em arco fora-da-área e a bola passou muito perto da baliza de Dúbravka.

10 minutos depois foi a vez de Aubameyang tentar a sua sorte com um remate rasteiro descaído na esquerda, mas o guarda-redes do Newcastle United estava atento e defendeu sem dificuldade.

Nos últimos 10 minutos do primeiro tempo mais duas oportunidades de golo para a nossa equipa. Primeiro por Nketiah num remate à figura de Dúbravka e depois Nicolas Pépé, na marcação de um livre direto, obrigou o guardião dos Magpies a uma excelente defesa para evitar o primeiro golo do jogo.

O empate no marcador penalizava um pouco a equipa do Arsenal, que estava melhor no jogo, mas castigava a equipa pela forma pouco inteligente como chegava à área do Newcastle United.

Na segunda parte o Arsenal veio determinado em vencer o jogo e dominou sempre durante os segundos 45 minutos. Com menos de 5 minutos decorridos o Arsenal ficou perto do primeiro golo. Pépé num bom drible cruza para a entrada da pequena-área e Eddie Nketiah remata à barra da baliza de Dúbravka.

Depois da ameaça vieram os golos. E o primeiro surgiu aos 54 minutos por Pierre-Emerick Aubameyang. Cruzamento largo de Pépé para o segundo poste e o avançado gabonês do Arsenal a saltar mais alto que a defesa dos Magpies e a inaugurar o marcador com um cabeceamento certeiro para o fundo das redes.


O 2-0 surgiu três minutos depois desta vez por Nicolas Pépé. Grande jogada na esquerda de Bukayo Saka, que tirou dois defesas do caminho, cruzamento para a zona de penalti onde aparece Pépé atirar para o fundo da baliza. 2-0 e a vitória estava mais perto.


A resposta da equipa visitante aos golos sofridos surgiu apenas depois da hora de jogo. Cruzamento de Maximin para o interior da área e por muito pouco Clark não faz o golo. Valeu o corte crucial de David Luiz.

Aubameyang voltou a estar perto do golo aos 67 minutos, quando perto da linha do fundo do lado direito cruzou direto para a baliza e a bola ainda bate no travessão antes de sair. Pouco depois é o Newcastle United a atirar ao ferro. Depois de uma bola perdida por Ceballos, Maximin remata fora da área e a bola vai ao poste da baliza de Leno.

Já muito perto do fim o Arsenal matou definitivamente o jogo com mais dois golos e chegou à goleada. Primeiro aos 90 minutos Lacazette, que havia entrado entretanto no jogo, cruza para Özil e este remata para a baliza aproveitando a atrapalhação de Dúbravka para fazer o 3-0.


O último golo do jogo surgiu já em tempo de compensação por Alexandre Lacazette. Pépé, uma vez mais, na direita passa para Lacazette e o francês completamente solto de marcação só teve de atirar para golo e estabelecer o resultado final em 4-0.


Boa vitória dos Gunners, apesar da entrada forte do Newcastle United, que agora vira atenções para quinta-feira para a deslocação até à Grécia.

Sem comentários