Com tecnologia do Blogger.

Arsenal 1-0 Leeds United - Ficha de Jogo



O Arsenal segue em frente na taça de Inglaterra depois de eliminar nesta segunda-feira o Leeds United na terceira eliminatória da competição. Os Gunners derrotaram os Whites no Emirates Stadium, com Reiss Nelson a fazer o único golo do jogo aos 55 minutos.


Arsenal: Martínez, Sokratis, Luíz, Holding, Nelson, Guendouzi, Xhaka, Kolasinac, Özil, Pépé, Lacazette
Subs: Leno, Saka, Mavropanos, Martinelli, Willock, Ceballos, John-Jules

Leeds United: Meslier, Ayling, Berardi, White, Douglas, Phillips, Alioski, Gotts, Klich, Harrison, Bamford
Subs: Casilla, Casey, Davis, Cooper, Stevens, Dallas, Costa


Várias alterações proporcionadas por Mikel Arteta para a recepção ao Leeds United. Tendo em conta a equipa que havia sido escalada na vitória por 2-0 frente ao Manchester United o principal destaque vai para a alteração da formação da equipa para o esquema de 3-4-1-2. Martínez, Holding, Nelson e Guendouzi regressaram à titularidade para os lugares de Leno, Maitland-Niles, Torreira e Aubameyang.

O Arsenal entrou a dormir no jogo e a primeira parte foi praticamente toda ela dominada pelo Leeds United. A equipa que milita no Championship e está a lutar pelo acesso à Premier League teve várias oportunidades para marcar e reduziu o Arsenal ao último terço do campo.

A primeira oportunidade para os Whites surge aos 7 minutos, depois de um mau passe de Rob Holding. Gotts ganha o mau passe do defesa do Arsenal, sai para contra-ataque e serve Bamford, que permite depois o corte de Holding. O defesa do Arsenal chegou a tempo de corrigir o erro que cometeu.

O Arsenal procurou responder ao lance de perigo do Leeds mas o melhor que conseguiu foi um remate de Nicolas Pépé no minuto seguinte à figura de Meslier.

A partir daí só deu Leeds e o clube do norte de Inglaterra teve duas oportunidades seguidas para golo. Primeiro aos 14 minutos por Harrison num remate fora-da-área que obriga Martínez a uma excelente defesa e no minuto seguinte Bamford atira à barra da baliza do Arsenal.

O Leeds United volta a criar perigo as 21 minutos, desta vez de bola parada. Livre junto à quina da área marcada de forma tensa e direta para a baliza por Phillips, Martínez defende para a frente e Holding cabeceia a bola para fora para terminar com o perigo. Pouco depois é Alioski, num remate cruzado rasteiro, que falha o alvo por pouco.

O Arsenal só voltou a criar perigo as 31 minutos, através de um pontapé-de-canto. Özil bate a bola na esquerda e David Luíz aparece sozinho a cabecear mas falha a baliza e desperdiça assim uma excelente oportunidade para colocar o Arsenal em vantagem na eliminatória.

Ainda antes do intervalo a equipa visitante tem mais uma oportunidade para marcar no primeiro tempo. Após um cruzamento longo na direita para o segundo poste, aparece Alioski a ganhar posição a Sokratis e a cabecear para a baliza obrigando Martínez a uma grande defesa.

O nulo ao intervalo era um resultado que claramente penalizava a equipa do segundo escalão de Inglaterra e obrigava o Arsenal a uma mudança de atitude para a segunda parte.

Arteta terá percebido isso e a equipa veio com uma mentalidade completamente diferente para a segunda metade. Prova disso são as duas boas oportunidades de Lacazette abrir. Primeiro num pontapé-livre direto em que a bola vai à barra e depois num remate à entrada da área em que o guarda-redes do Leeds tem de defender para a frente.

Guendouzi, que cresceu muito no jogo da primeira para a segunda parte, também esteve perto de fazer o golo. Aos 52 minutos tem um remate fora-da-área em que a bola passa muito próxima do poste da baliza de Meslier.

O Arsenal andava a ameaçar o golo e este acabou por surgir aos 55 minutos por Reiss Nelson. Boa jogada de Pépé para Lacazette, o avançado francês cruza para a área mas a bola é desviada por um defesa adversário e vai ter com Nelson que aproveita para fazer o único golo do jogo. 1-0 no marcador e os Gunners em vantagem na eliminatória.


O único lance de perigo do Leeds United na segunda parte surgiu apenas aos 72 minutos através de bola parada. Livre à entrada da área batido por Douglas mas a bola passa por cima da barra da baliza de Martínez.

76 minutos o Arsenal volta a criar muito perigo, desta vez por Martinelli que havia entrado entretanto no jogo. Boa jogada individual do jovem brasileiro que culmina com um remate à entrada da área e obriga o guarda-redes do Leeds United a defender para canto.

Até ao apito final o Arsenal ainda podia ter aumentado a vantagem em tempo de compensação. Novo livre para o Arsenal, desta vez batido por David Luíz, mas a bola não vai à baliza.

Assim o Arsenal segue em frente na taça de Inglaterra, eliminando o Leeds United, e na quarta eliminatória vai defrontar o Bournemouth. Arteta soma a segunda vitória seguida no comando técnico do Arsenal e também o segundo jogo sem sofrer golos.

Sem comentários