Com tecnologia do Blogger.

Women: Reading 0-3 Arsenal


Imagem: Twitter Arsenal WFC

Arsenal: Zinsberger, Wälti, Williamson, Beattie, Schnaderbeck, Evans, Nobbs, Little, van de Donk, Mead, Miedema
Subs: Peyraud-Magnin, Quinn, Maier, Mitchell, Roord, McCabe


O Arsenal continua na luta pelo título depois de vencer na tarde deste domingo a equipa do Reading por 0-3. Vivianne Midema bisou no jogo enquanto Kim Little, num excelente movimento técnico, fez o outro golo das Gunners.

O Arsenal entrou adormecido no jogo e por isso a equipa do Reading aproveitou para tentar chegar com perigo à baliza das Gunners nos primeiros minutos. Primeiro aos 5 minutos, depois de um mau passe de Danielle van de Donk que permitiu Fara Williams ficar de frente para a baliza e depois aos 8 minutos, numa perda de bola de Lisa Evans que permitiu que a mesma Fara Williams fizesse um remate fora da área à figura de Zinsberger.

Estes dois lances pareceram acordar a nossa equipa que a partir daí cresceram no jogo e começaram a chegar com mais regularidade à área adversária. O primeiro lance de real perigo a favor do Arsenal surgiu à passagem do quarto de hora, quando um grande de Kim Little isolou Lisa Evans na direita mas o cruzamento para Miedema não foi o melhor e permitiu o corte do Reading para canto.

Miedema, pois claro, mostrou que não estava lá para brincadeiras e deixou a primeira ameaça aos 26 minutos, num remate fora da área que passou por cima da baliza do Reading. Não foi por isso de estranhar que o Arsenal chegasse ao golo dois minutos depois pela inevitável avançada holandesa. Recuperação de bola de Kim Little para van de Donk que depois serve a compatriota na esquerda. Miedema de frente para a guarda-redes não teve dificuldades em atirar para golo e inaugurar o marcador.

O 0-2 surgiu aos 37 minutos num excelente golo de Kim Little. Jogada combinada entre as nossas jogadoras à entrada da área que termina com um passe de Nobbs para a média escocesa. Depois Little, num excelente movimento técnico, domina de peito e atira a contar para o fundo da baliza.

Ainda antes do intervalo mais uma oportunidade de golo para cada equipa. Primeiro para o Reading, aos 43 minutos num livre ainda muito longe da área, em que Williams atira por cima da baliza do Arsenal e depois Miedema, já em tempo de compensação, descaída na direita não consegue acertar no alvo.

O Arsenal dominava o jogo e a vantagem de dois golos era justa para as Gunners.

Para a segunda-parte o Reading veio à procura de reduzir a desvantagem, enquanto o Arsenal entrou a jogar na expectativa de ver o que ia dar o jogo pois estava em vantagem por dois golos. Por isso nos primeiros 10 minutos a equipa da casa, tal como na primeira parte, teve duas oportunidades para fazer golo. Aos 48 minutos, a passe de Fara Williams, Lisa-Marie Utland cabeceia por cima e aos 55 minutos é Farah Williams que não consegue desviar para a baliza o cruzamento que recebeu.

A nossa equipa estava adormecida no jogo mais aos 68 minutos tem duas flagrantes ocasiões de golo para aumentar ainda mais a vantagem. Primeiro Kim Little cruza para a entrada da pequena-área mas van de Donk não consegue desviar e logo a seguir, no seguimento da jogada, Miedema cruza mas o melhor que van de Donk consegue fazer é cabecear ao poste.

À medida que o tempo ia passando o Reading ia perdendo as esperanças num bom resultado mas ainda assim esteve muito perto de marcar aos 76 minutos. A defesa do Arsenal ficou a dormir e Fara Williams viu Zinsberger adiantada da baliza tentando fazer um chapéu à guarda-redes das Gunners. Por sorte a bola passou ao lado do poste.

A 10 minutos do fim o Arsenal volta a estar perto de 0-3. Miedema rematou à figura da guarda-redes do Reading, a defesa adversária não consegue aliviar e Lisa Evans remata rasteiro e cruzado mas a bola passou ao lado da baliza.

Aos 84 minutos e apenas três minutos depois de ter entrado no jogo, Jill Roord também tentou a sua sorte num remate fora da área mas Grace Moloney defende para canto.

O 0-3 final acabou por surgir já em tempo de compensação por Miedema, que bisou no jogo. Danielle van de Donk, com um grande passe em força desde a linha do meio-campo, isolou Miedema que à entrada da área fez um grande chapéu a Moloney.

Beth Mead ainda podia ter feito o quarto golo do Arsenal, já no último minuto do encontro, mas de frente para a guarda-redes do Reading não conseguiu fazer melhor do que atirar à figura.

Nova vitória das Gunners que assumem a liderança da FA Women’s Super League com dois pontos de vantagem para o Chelsea, que tem menos um jogo.

Sem comentários