Com tecnologia do Blogger.

Women: Arsenal 11-1 Bristol City



Arsenal: Zinsberger, Wälti, Williamson, Beattie, Roord, Schnaderbeck, van de Donk, Nobbs, Evans, Mead, Miedema
Subs: Peyraud Magnin, Mitchell, Quinn, Maier, Little

As nossas raparigas continuam imparáveis e na tarde do último domingo golearam a equipa do Bristol City por 11-1! Sim, leram bem, 11-1! Foi um novo record de golos marcados na Women's Super League. Vivianne Miedema esteve em destaque ao marcar 6 (!) golos e fazer 4 (!) assistências. A holandesa esteve em 10 dos 11 golos marcados do Arsenal em Meadow Park.

O 1-0 surgiu aos 7 minutos. Cruzamento de Miedema na esquerda e Lisa Evans a finalizar ao segundo poste de cabeça. O 2-0 foi muito semelhante ao primeiro golo. Cruzamento de Miedema, agora do lado direito, e Leah Williamson salta mais alto que as adversárias no segundo poste e cabeceia para o 2-0.

O 3-0 surgiu aos 15 minutos. Bola colocada na área por Lia Wälti e Miedema com tempo e espaço para receber, dominar e atirar a contar. A partir daí o Arsenal continuou a carregar e a chegar com perigo à baliza do Bristol City, não só por Miedema mas também por Roord e van de Donk.

O 4-0 apareceu aos 32 minutos. Beth Mead cruzou na direita e na pequena-área Miedema só teve de encostar. O último golo do primeiro tempo surgiu 4 minutos depois. Cruzamento de Lisa Evans para Miedema e a holandesa atira para a baliza, com a bola a desviar numa defesa do Bristol City e a enganar a guarda-redes adversária.

O 5-0 ao intervalo previa uma goleada histórica neste jogo.

No segundo tempo as Gunners continuaram a carregar e chegaram ao 6-0 logo aos 51 minutos. A holandesa na área a fazer um remate em arco sem hipóteses para a guarda-redes adversária. O 7-0 surgiu 3 minutos depois, desta vez por Jordan Nobbs. Cruzamento de Miedema para a entrada da pequena-área e Nobbs aparece para desviar para o golo.

Os golos surgiam quase seguidos e o 8-0 apareceu logo aos 55 minutos. Nova combinação entre Lisa Evans e Vivianne Miedema a dar frutos. O 9-0 surgiu pouco depois agora com papéis invertidos. Miedema a colocar em balão na área e Evans a desviar de primeira para a baliza.

Até ao final Miedema voltou a fazer o gosto ao pé e Emma Mitchell, que entretanto havia entrado no decorrer da segunda-parte, também marcou. O Bristol City teve direito ao seu golo de honra já a 5 minutos do fim.

Que jogo das nossas meninas!

Sem comentários