Com tecnologia do Blogger.

Angers 1-1 Arsenal (3-4 pens)



Terminou com empate o penúltimo amigável desta pré-temporada do Arsenal. Os Gunners fizeram uma viagem relâmpago até França para defrontar o Angers, no jogo de apresentação do clube da Ligue 1 aos sócios.

Numa convocatória e num onze titular com vários miúdos da formação do Arsenal, foi a equipa da casa que começou o jogo de forma mais perigosa com vários cruzamentos para a área de Emiliano Martínez.

O golo da equipa da casa surgiu então aos 13 minutos por Farid El Melali, depois do argelino ter sido desmarcado por Baptiste Santamaria. El Melali passou bem pelos defesas do Arsenal, contornou Martínez e fez o 1-0. Muitas culpas para Medley e Monreal.

Aos 38 minutos o Angers, na sequência de um livre para a área, o Angers voltou a colocar a bola dentro da baliza de Martínez, mas desta vez o lance foi anulado por fora-de-jogo Pavlovic.

O primeiro lance de real perigo dos Gunners no primeiro tempo surgiu apenas aos 40 minutos. Depois de um pontapé de canto, Mustafi recuperou a bola perto da linha lateral do lado esquerdo do campo e cruzando para a área apareceu o jovem Gabriel Martinelli, que num cabeceamento de costas para a baliza viu o seu esforço a passar muito perto do poste de Butelle.

Para o segundo tempo o Arsenal entrou praticamente a empatar o jogo. Com apenas 4 minutos decorridos, Mattéo Guendouzi cruzou para a pequena-área, Nketiah rematou de primeira contra o guarda-redes do Angers e na recarga, Nelson atirou para o fundo da baliza. 1-1 no marcador.

O Arsenal procurava chegar à vantagem numa sucessão de lances de bola parada, mas nunca sem conseguir criar perigo para a baliza do Angers. Os jogadores do Arsenal estavam de pontaria desafinada e prova disso foi quando aos 77 minutos, na sequência de mais um livre, Aubameyang tenta desviar a bola para dentro da baliza mas em vez disso faz um corte de carrinho.

Aos 80 minutos o Arsenal até marcou, por Aubameyang a passe de Nelson, mas o golo foi anulado por fora-de-jogo. Dois minutos depois, novamente Aubameyang tem uma excelente oportunidade para marcar, mas sozinho de frente para a baliza atira ao lado. Um falhanço incrível, daqueles que vamos ficando habituados, do avançado do Arsenal.

Não foi por isso de estranhar que o jogo acabasse empatado. Na marcação de grandes penalidades o Arsenal foi mais forte ao vencer por 4-3. Maitland-Niles, Willock, Xhaka e Aubameyang marcaram enquanto Mkhitaryan falhou. Já no lado dos franceses Kanga e Reine-Adelaide falharam os penáltis que ditaram a derrota.

Baterias apontadas agora para o último amigável da pré-temporada, quando no domingo formos até Camp Nou defrontar o Barcelona no troféu Joan Gamper.

Sem comentários