Com tecnologia do Blogger.

Arsenal vs Wolverhampton - Antevisão



Os Gunners esperam regressar já às vitórias na Premier League quando defrontarem este domingo a equipa mais portuguesa da competição: o Wolverhampton Wanderers.

A nossa equipa vem nove jogos sem perder no campeonato, mas nas duas últimas jornadas não conseguiu mais que dois empates, atrasando-os na luta pelos lugares de Liga dos Campeões.


Arsenal

O Arsenal continua a sua série invencível e vai já em 15 jogos sem perder depois do empate da quinta-feira passada frente ao Sporting, num jogo que ficou marcado pela grave lesão de Danny Welbeck. Para além do avançado inglês, Unai Emery também perdeu Stephan Lichtsteiner no decorrer do jogo que garantiu a qualificação para a próxima fase da Liga Europa.

A qualificação está feita, embora ainda faltem dois jogos por realizar, e o primeiro objectivo de Unai Emery para esta competição está concluído. Os objectivos do treinador espanhol passam por fazer melhor que o sexto lugar na Premier League do ano passado, bem como conquistar outros troféus, incluindo esta competição europeia que dará acesso directo à Liga dos Campeões da próxima temporada.

O Arsenal conta com três empates nos últimos quatro jogos, e embora a única vitória tenha sido contra o Blackpool na taça da liga há um bom ambiente em torno do Emirates Stadium, muito graças ao excelente trabalho que Emery tem feito desde que chegou ao clube no verão para suceder a Arsène Wenger.

Um regresso às vitórias nesta jornada vai garantir que o Arsenal prolongue o seu melhor momento que não acontecia desde Dezembro de 2016, embora os mais críticos queiram destacar que os Gunners não conseguiram vencer Manchester City e Chelsea na abertura do campeonato e empataram contra Liverpool, mostrando que a equipa ainda não conseguiu passar os seus maiores testes no campeonato até ao momento.

Emery admite que a equipa ainda trabalha para ultrapassar os desafios contra os adversários diretos, mas jogos contra-equipas do meio da tabela como são o caso do Wolverhampton mostraram que não são fáceis e os resultados das duas últimas temporadas mostram isso. Por isso, os resultados que o novo treinador do Arsenal tem mostrado ao longo desta série invencível são bastante bons.

Com a aproximação de um mês de Dezembro bastante complicado, onde defrontaremos por duas vezes o tottenham e ainda contamos com jogos contra Manchester United e Liverpool, Emery quererá com certeza conquistar mais três pontos de forma a manter este bom momento na equipa.

Para este Emery não poderá contar, como é óbvio, com Danny Welbeck que deverá perder o resto da temporada. Também Lichtsteiner saiu lesionado do encontro com a equipa portuguesa e poderá falhar a convocatória para os Wolves. Também Nacho Monreal poderá regressar às opções depois de um mês ausente, embora a opção mais provável para o lado esquerdo da defesa seja Sead Kolasinac que começou a realizar os seus primeiros minutos da época nos últimos dois jogos.

Mattéo Guendouzi está de regresso às opções nas competições internas após ter cumprido castigo no jogo com o Liverpool, e Iwobi e Ramsey procuram também conquistar um lugar no onze neste jogo com o Wolverhampton. Lacazette é que regressará com certeza ao onze titular depois de ter descansado no jogo de quinta-feira e contará com Aubameyang ao seu lado de forma a bater a equipa adversária.


Wolverhampton

Os Wolves deram luta na derrota da última jornada frente ao tottenham por 2-3, mas a verdade é que as coisas não têm corrido bem para a equipa de Nuno Espírito Santo. Nas últimas três jornadas sofreram três derrotas e tiveram uma queda abrupta para o 11º lugar.

A equipa mais portuguesa de Inglaterra até começou bem o campeonato, contando com um empate em Old Trafford frente ao Manchester United e conseguindo oito jogos seguidos sem perder na Premier League, mas as três derrotas consecutivas que começaram com o Watford a 20 de Outubro obrigaram o treinador português a repensar.

Os recém-promovidos à Premier League são aqueles que menos conseguem vitórias frente ao Arsenal e a última vez que conseguiram vencer os Gunners remonta à longínqua temporada de 1979/1980. No entanto actualmente são alvos de um forte investimento financeiro por parte de empresários tendo jogadores de elevada qualidade no seu plantel que poderão causar muitas dificuldades ao Arsenal neste jogo no Emirates.

Diogo Jota é a única dúvida para o treinador português, tendo de resto todo o plantel disponível para a deslocação a Londres. Morgan Gibbs-White foi bastante elogiado no jogo do fim-de-semana passado e o internacional sub-19 inglês poderá até vir a ser uma surpresa no onze do Wolverhampton.


Equipas Prováveis

Arsenal: Leno, Bellerín, Mustafi, Holding, Kolasinac, Torreira, Xhaka, Iwobi, Özil, Aubameyang, Lacazette

Wolverhampton: Patrício; Bennett, Coady, Boly, Doherty, Moutinho, Neves, Jonny, Costa, Jimenez, Cavaleiro


Previsão

O ponto conquistado frente ao Liverpool na jornada passada até pode ser considerado positivo, mas o Arsenal necessita de regressar rapidamente às vitórias se quiser manter viva a esperança de conquistar um lugar no top-4. Já o Wolves vem numa espiral negativa e o cenário não é o melhor para regressar aos bons resultados.

A nossa aposta: Arsenal 2-0 Wolverhampton

Sem comentários