Com tecnologia do Blogger.

Wenger: A Alemanha precisa de Özil



O antigo treinador do Arsenal, Arsène Wenger, espera que Mesut Özil seja convencido a regressar à sua seleção depois da sua saída após o campeonato do mundo do último verão.

A Mannschaft foi afastada precocemente do último torneio de seleções e após as críticas o jogador do Arsenal bateu com a porta. No entanto os maus desempenhos da Alemanha continuam após a derrota com Holanda (0-3) e França (1-2) neste mês de Outubro em jogos a contar para a Liga das Nações.

Wenger treinou Özil entre 2013 e 2018 no Arsenal, e diz que a seleção alemã sente falta do playmaker.

"Penso que a Alemanha sente falta de Özil e espero que Löw o convença a regressar", disse o treinador francês em entrevista o jornal alemão Bild.

"Özil é um super jogador e não foi o pior do campeonato do mundo."

"Não gostei que ele se tivesse retirado da seleção porque os alemães respeitam bastante tudo o que ele conquistou."

"A motivação pode descer um pouco quando se sabe que não se está preparado para um campeonato do mundo ou campeonato europeu. Gosto que os jogadores estejam o melhor possível. Ele perde um pouco por não estar a jogar a nível internacional."

Özil conta com oito jogos realizados esta temporada pelo Arsenal, contribuindo com três golos.

A seleção alemã volta à acção em Novembro quando defrontar a Rússia em jogo amigável e a Holanda a contar para a Liga das Nações da UEFA. Em caso de derrota com a laranja mecânica, a Mannschaft poderá ser relegada no seu grupo.

Sem comentários