Com tecnologia do Blogger.

Arsenal 3-1 Brentford - Report



O Arsenal segue em frente na 3ª eliminatória da Carabao Cup (taça da liga), depois de derrotar no Emirates Stadium a equipa do Brentford por 3-1.

Danny Welbeck, por duas vezes, e Alexandre Lacazette fizeram os golos dos Gunners, que sofreram para levar de vencida a equipa que milita no Championship e que esteve sempre na luta pelo resultado graças ao golo de Alan Judge aos 58 minutos.


Arsenal: Leno, Lichtsteiner, Mustafi, Holding, Monreal, Elneny, Guendouzi, Mkhitaryan, Smith Rowe, Iwobi, Welbeck
Subs: Martínez, Bellerín, Kolasinac, Lacazette, Nketiah, Ramsey, Torreira

Brentford: Daniels, Odubajo, Jeanvier, Konsa, Barbet, Yennaris, Mokotjo, Sawyers, Judge, Canos, Watkins
Subs: Bentley, Benrahma, Dalsgaard, MacLeod, Maupay, McEachran, Mepham


O Arsenal começou o jogo logo com um susto graças a Bernd Leno. Mustafi atrasou a bola para o guarda-redes alemão, que esta noite voltou a ser titular na baliza dos Gunners, e este com um mau domínio deixou-a ir pela linha de fundo. Felizmente a baliza ainda estava um pouco longe e não foi um auto-golo.

Pouco depois, com apenas cinco minutos de jogo, surge o golo do Arsenal por Danny Welbeck. Num pontapé-de-canto marcado de forma curta por Mkhitaryan, o arménio coloca a bola em Guendouzi que cruzou para a entrada da pequena-área e Welbeck saltou mais alto que toda a gente para fazer o 1-0.

A jogar a passo, o Brentford também não pressionava muito, o Arsenal ia controlando o jogo. E não foi de estranhar o 2-0 aos 37 minutos. Numa jogada que é estilo de Emery a jogar a partir do guarda-redes, a equipa contra-atacou bem e terminou com o passe decisivo de Monreal para Welbeck e para o inglês fazer o segundo golo no jogo.

Ao intervalo o resultado era justo mas não se esperava a segunda-parte de susto que acabou por ser. O Brentford entrou de forma a tentar igualar o resultado e encostou o Arsenal à sua zona defensiva. O golo para a equipa visitante acabou por surgir aos 58 minutos por Alan Judge. O médio irlandês marcou de forma irrepreensível um livre direto fora da área, que não deu qualquer hipótese a Bernd Leno.

O treinador do Brentford, Dean Smith, até lançou o avançado Neal Maupay numa tentativa de chegar ao empate mas foi o Arsenal a matar o jogo graças a Lacazette, que havia entrado entretanto no jogo para o lugar de Smith Rowe. Em tempo de compensação o avançado francês desbravou caminho no meio dos defesas dos Bees e fez o 3-1 final.

Atenções agora viradas para o jogo de sábado, frente ao Watford, que esta noite foi eliminado da competição.


MELHOR EM CAMPO: Danny Welbeck
O avançado inglês pouco tem sido usado por Emery na equipa principal, mas hoje foi chamado à acção e deu conta do recado. Os dois golos na primeira parte foram fundamentais para a vitória e para evitar uma escorregadela precoce nesta competição. Com dois golos a confiança do avançado deverá aumentar.

Sem comentários