Com tecnologia do Blogger.

Mais três elementos de saída juntamente com Wenger



De acordo com o 'Football.London', o Arsenal informou três elementos da equipa técnica de Arsène Wenger que os seus serviços terminam no Emirates com a saída do treinador francês.

Com a chegada de um novo técnico para o lugar de Wenger, que termina uma era de 22 anos no clube, os seus assistentes Gerry Peyton, Neil Banfield e Boro Primorac são dispensados das funções que exerciam.

Peyton é treinador de guarda-redes e chegou ao clube em 2003, enquanto Banfield e Primorac já trabalham com o treinador francês em Londres desde 1997. Primorac já havia inclusive trabalho com Wenger nos japoneses do Nagoya Grampus Eight, durante três temporadas.

Devido à grande proximidade que tinham com Arsène Wenger, não é uma surpresa que estes elementos estejam de saída, havendo com certeza acordo entre clube e staff para a resolução dos seus contratos.

Apesar da mudança de equipa técnica, haverão posições que não sofrerão mexidas. Darren Burgess foi contratado como 'Director of High Performance' no último verão e continuará no cargo, tal como Shad Forsythe ('Head of Performance') e Colin Lewin (responsável do departamento médico). Já Vik Akers anunciou a sua retirada no final desta temporada e verá o seu filho, Paul Akers, a assumir o seu cargo de responsável de equipamentos.

A dúvida que fica no ar é relativamente a Steve Bould. Bould é treinador-adjunto de Wenger desde 2012, quando substituiu Pat Rice, e antes tinha treinado as camadas jovens do clube. Já Jens Lehmann deverá continuar também no clube.

Sem comentários