Com tecnologia do Blogger.

Report: Arsenal 3-2 Southampton



Arsenal: Cech, Bellerín, Mustafi, Chambers, Kolasinac, Elneny, Xhaka, Nelson, Iwobi, Welbeck, Aubameyang
Subs: Macey, Monreal, Holding, Wilshere, Nketiah, Lacazette, Özil

Southampton: McCarthy, Stephens, Yoshida, Hoedt, Soares, Romeu, Hojbjerg, Bertrand, Ward-Prowse, Tadic, Long
Subs: Forster, Pied, Boufal, Redmond, Sims, Gabbiadini, Austin


O Arsenal cumpriu a sua obrigação a venceu em casa o Southampton, por 3-2, no inicio da tarde deste domingo. Num jogo complicado para os Gunners, Danny Welbeck foi decisivo ao marcar dois golos e a fazer uma assistência. A concorrência é dura, mas o inglês mostrou a Arsène Wenger que quer ser mais uma opção.

Os Saints entraram de forma mais assertiva, e o lateral português Cedric Soares ficou em destaque ao minuto 17: cruzamento para a área, Shkodran Mustafi hesitou e Long aproveitou para inaugurar o marcador. Aos poucos, o Arsenal foi assumindo as rédeas da partida, chegando ao empate por intermédio de Pierre-Emerick Aubameyang, que aproveitou uma assistência de Welbeck. O avançado inglês manteve-se em alta, marcando o segundo pouco depois, num remate pleno de intenção e que contou com a ajuda de um desvio adversário. Entretanto chegava o intervalo.

Na segunda parte, o Arsenal entrou adormecido, permitindo que a equipa visitante aproveitasse para subir no terreno e ganhar confiança num bom resultado. O Southampton não se fez rogado e chegou mesmo ao empate, conseguido por Austin, após mais uma assistência de Cedric Soares. Só que ainda andava por lá Welbeck, que, à entrada dos últimos dez minutos, cabeceou para o terceiro, após passe de Alex Iwobi.

Até ao final, Elneny e Stephens receberam ordem de expulsão, mas o destaque já estava entregue ao homem da tarde: Welbeck, que deixa o Arsenal mais confortável no sexto lugar da tabela, com 54 pontos.

O Arsenal volta a entrar em campo na próxima quinta-feira, deslocando-se à Rússia para defrontar o CSKA Moscovo na segunda mão dos quartos-de-final da Liga Europa.

Sem comentários