Com tecnologia do Blogger.

Mertesacker triste com a saída de Wenger



O capitão de equipa, Per Mertesacker, prestou o seu tributo a Arsène Wenger, mas admitiu que irá demorar algum tempo até o plantel se habituar à ideia que o treinador vai mesmo embora.

O treinador francês comunicou no final desta semana a sua saída do clube ao fim de 22 anos de serviço e as reacções de respeito começaram a surgir praticamente de todo o lado.

Em entrevista ao site oficial do clube, o defesa central alemão que termina a carreira no final da actual temporada, falou da noticia e ainda da divida de gratidão que a maioria dos jogadores do Arsenal tem para com Arsène Wenger.

"Fomos apenas informados. Estou muito emocionado. Esteve bastante tempo aqui no clube e foi um apoio muito grande para mim".

"Um dos maiores motivos para estar aqui deve-se a ele. Tem sido um dia muito emotivo e haverá a necessidade de tempo para digerir esta noticia, mas neste momento estou bastante triste".

"É o principal rosto deste clube há mais de 20 anos. Ele tem sido muito impressionante para mim e confiou bastante em mim ao longo da minha carreira, trazendo-me para aqui, dando-me a oportunidade de jogar aqui e de me tornar capitão mesmo quando estava lesionado".

"Ainda me deu um papel para o futuro no clube e por isso estou muito agradecido pela oportunidade que me deu. É um dia muito triste para mim mas temos de seguir em frente e olhar para o futuro".

"É do interesse do treinador sair deixando memórias positivas para os adeptos".

Para além de Mertesacker, mais jogadores do plantel e antigos jogadores também colocaram mensagens de tributo ao treinador francês.

Fiquem atentos à próxima segunda-feira, onde teremos um podcast dedicado em exclusivo a este assunto.

Sem comentários