Com tecnologia do Blogger.

Report: Nottingham Forest 4-2 Arsenal



Arsenal: Ospina, Debuchy, Mertesacker, Holding, Maitland-Niles, Elneny, Willock, Walcott, Iwobi, Nelson, Welbeck
Subs: Macey, Osei-Tutu, Chambers, Reine-Adelaide, Da Silva, Akpom, Nketiah

Nottingham Forest: Smith, Lichaj, Worrall, Mancienne, Traore, Vaughan, Osborn, Cash, Dowell, Clough, Brereton
Subs: Henderson, Mills, McKay, Bouchalakis, Vellios, Cummings, Walker


E a grande surpresa da 3ª eliminatória na Taça de Inglaterra veio do City Ground. O Nottingham Forest eliminou o Arsenal por 4-2, conseguindo o apuramento para a próxima fase da competição mais antiga do Mundo. Lichaj, com dois golos, foi a figura da partida.

Foi uma primeira parte de grande emoção. A equipa da casa aproveitou alguma desorganização defensiva para inaugurar o marcador logo ao minuto 20, por intermédio de Lichaj, que respondeu da melhor forma a um livre de Dowell. Mertsaker ainda empatou logo a seguir também no seguimento de uma bola parada, mas o jogo de posse dos Gunners não tinha qualquer consequência. Do outro lado, vontade... e um grande golo, com o mesmo protagonista, mesmo a roçar o apito para o intervalo. O árbitro apitou e Ospina ainda pensava no remate mágico de Lichaj.

No segundo tempo, a emoção continuou e a inoperância dos comandados de Wenger também. O empate não surgia, apesar das oportunidades, e os homens da casa aproveitaram para dar colorido ao sonho. Holding fez grande penalidade e Brereton colocou em delírio o City Road. Welbeck ainda fez acreditar os Gunners, que não tinham grandes soluções no banco.

O Arsenal ainda pressionou em busca do empate, mas os homens da casa voltaram a aproveitar uma grande penalidade para o sonho tornar-se realidade. Wenger poupou os principais titulares, mas a revalidação da Taça de Inglaterra fica agora impossível. Wenger terá de responder a muitas perguntas incómodas e as grandes penalidades deixam de servir de justificação.

O Arsenal volta a entrar em campo na próxima quarta-feira para defrontar o Chelsea, na primeira mão da meia-final da taça da liga.

Sem comentários