Com tecnologia do Blogger.

Report: Arsenal 2-1 Chelsea



Arsenal Ospina, Bellerín, Koscielny, Mustafi, Monreal, Wilshere, Elneny, Xhaka, Özil, Iwobi, Lacazette
Subs: Macey, Chambers, Maitland-Niles, Kolasinac, Ramsey, Nketiah, Nelson

Chelsea Caballero, Azpilicueta, Christensen, Rüdiger, Moses, Kanté, Bakayoko, Alonso, Willian, Pedro, Hazard
Subs: Eduardo, Luiz, Cahill, Zappacosta, Drinkwater, Barkley, Batshuayi


O Arsenal está na final da taça da liga! Depois do Manchester City ter conseguido o apuramento na passada terça-feira, os Gunners estão a caminho de Wembley depois de uma vitória por 2-1 diante do Chelsea, numa partida em que a nossa equipa mereceu claramente o apuramento. Rüdiger, defesa do Chelsea, fica ligado à partida com dois desvios cruciais para os golos do Arsenal.

Depois do nulo na primeira volta, os golos não tardaram a aparecer e até foi o Chelsea a adiantar-se no marcador. Sem avançado de raiz - Morata esteve ausente por lesão e Batshuayi ficou no banco -, foi o avançado belga Eden Hazard a inaugurar o marcador. Numa jogada a três toques, Bakayoko soltou Pedro e o espanhol isolou Hazard para o primeiro da partida.

A vantagem da equipa de Antonio Conte durou apenas cinco minutos e foi Rüdiger a colocar tudo na mesma. Num lance com vários desvios, acabou por ser o defesa alemão o último a tocar na bola e a trair Caballero para a igualdade. Ficou melhor o Arsenal, com o golo marcado. Os Gunners foram sempre mais à procura do golo do que o Chelsea, mas os Blues estavam bem com bola e não foram permitindo grandes espaços ao Arsenal.

Apenas na segunda parte a igualdade ficou desfeita e novamente com Rüdiger à mistura. Lacazette trabalhou bem na área do Chelsea e cruzou atrasado, com a bola a desviar ainda no defesa alemão e a ir parar aos pés de Xhaka, que colocou o Arsenal em vantagem.

Depois do golo, surpreendentemente o Chelsea nunca conseguiu reagir e teve sempre dificuldades para se superiorizar ao meio-campo do Arsenal, ficando assim de fora da Taça da Liga inglesa que terá como finalistas os Gunners e o Manchester City.


Melhor do Arsenal: Granit Xhaka (8.0/10)

Sem comentários