Com tecnologia do Blogger.

Report: West Brom 1-1 Arsenal



Arsenal: Cech, Chambers, Koscielny, Mustafi, Bellerín, Wilshere, Xhaka, Kolasinac, Iwobi, Sanchez, Lacazette
Subs: Ospina, Mertesacker, Maitland-Niles, Coquelin, Elneny, Walcott, Welbeck

West Brom: Foster, Phillips, Dawson, Hegasi, Evans, Gibbs, Livermore, Barry, Brunt, Rodriguez, Robson-Kanu
Subs: Myhill, Nyom, McAuley, McClean, Yacob, Krychowiak, Burke


Três dias depois de ter oferecido o triunfo diante do Crystal Palace, Alexis Sanchéz voltou a fazer a diferença para o Arsenal, marcando um golo que se pensaria decisivo para o triunfo dos Gunners. O West Brom, a jogar em casa, empatou ainda antes do final e o ano novo será mais complicado para Wenger.

Foi, na verdade, uma primeira parte desinteressante. As duas equipas mostraram-se desinspiradas e nem mesmo a maior posse de bola do Arsenal fez a diferença. Os Gunners tiveram maior presença atacante, diga-se, mas não houve lugar a qualquer ocasião de golo. Intervalo, com bocejos pelo meio...

O segundo tempo foi radicalmente distinto. As duas equipas apareceram com outra disposição para ferir o adversário. O Arsenal pressionou, durante boa parte da etapa complementar obrigou a equipa da casa a jogar nos últimos trinta metros, mas faltava qualquer coisa. Faltava aparecer Alexis... O chileno desequilibrou, sofreu falta em zona perigosa e bateu o livre, que desviou num homem do West Brom e entrou para o fundo das redes. Estava feito o mais difícil.

Só que os últimos dez minutos ainda trouxeram surpresa. Numa jogada muito contestada pelos responsáveis do Arsenal Chambers cometeu grande penalidade, tocando com a braço na bola. Jay Rodríguez converteu e o jogo, apesar de ter sido jogado a um ritmo frenético a partir daí, ficou-se pelo empate.

Com este empate, o Arsenal fica mais longe do quarto lugar e têm o quinto em risco. O próximo jogo é quarta-feira, dia 3 de Janeiro, frente ao Chelsea no Emirates, em mais um jogo que se prevê muito complicado para o nosso lado.

Sem comentários