Com tecnologia do Blogger.

Wenger fala dos objectivos para o futuro



Arsène Wenger considera que o seu plantel para a próxima temporada é “pesado” e dá a entender que poderão haver saídas neste mercado de transferências.

Existem muitas dúvidas pela frente, com o futuro de Mesut Özil e Alexis Sanchez no topo das prioridades por resolver. No entanto não são esses os jogadores que o treinador francês pretende ver sair neste mercado. Em declarações ao site oficial do clube depois da sua renovação de contrato por mais duas temporadas, Wenger admite que poderá haver várias mudanças.

“Primeiro de tudo penso que temos um plantel bastante pesado e por isso deveremos perder alguns jogadores”.

“Queremos manter um plantel forte e vamos construir a nossa base nisso. Vamos trabalhar bastante para contratar jogadores de qualidade de topo. Penso que o nosso plantel já é bastante forte e iremos apenas procurar jogadores que tragam qualidade imediata à equipa”.

Isto poderá significar que jogadores como Kieran Gibbs, Carl Jenkinson, Mathieu Debuchy, Yaya Sanogo, Joel Campbell, Jack Wilshere e Lucas Perez poderão sair de forma a aliviar a folha salarial para os novos reforços.

“Primeiro procuraremos jogadores de topo que estejam disponíveis. Mostrámos nos últimos jogos contra Manchester City, Chelsea e Manchester United que temos um plantel bastante forte. Apenas consideraremos jogadores que realmente façam a diferença, não interessa onde estejam”.

Fala-se muito dos possíveis primeiros reforços do Arsenal para a nova temporada. Parece que Sead Kolasinac está muito próximo de ser anunciado e que também Henry Onyekuru faz parte dos planos. Já relativamente a saídas, Olivier Giroud tem sido associado ao Marselha e Lyon, enquanto Lucas Pèrez deverá regressar a Espanha.

Sem comentários